X
Blog - Contramestre Marketing Digital
Vender usando as Redes Sociais é possível! Conheça o Social Selling
14 de fevereiro de 2018

Já imaginou vender utilizando as redes sociais?  Sim, é totalmente possível e a prática se aplica para diversos segmentos! Entenda como:

Como encontrar potenciais clientes por meio das redes sociais?

Existem diversos processos e ferramentas para realizar vendas, mas é certo dizer que usar as redes sociais é uma boa estratégia para vender, já que todo mundo usa a internet para pesquisar sobre produtos e serviços hoje em dia. Um ótimo exemplo é o Facebook, que tem mais de 100 milhões de usuários no Brasil, provavelmente o seu público pode estar lá, no Instagram olu LinkedIn.


O que é Social Selling?

 

Social Selling é simplesmente a utilização de redes sociais – lembrando que redes sociais não são ferramentos de vendas – para criar e estreitar relacionamentos com o público, gerar leads mais qualificados e, como consequência, gerar vendas.

Não basta criar perfis e fazer qualquer tipo de publicação em sua página ou perfil, você tem que montar alguma estratégia, seja você dono de uma lanchonete, palestrante ou até mesmo um blogueiro.

Construir relacionamentos sempre foi o segredo do sucesso de bons vendedores. E com as redes sociais, eles têm a possibilidade de atingir um público muito maior. O Social Selling torna as conversas com seus clientes mais significativas e pessoais, e deixa de lado aquela prática de ligar para clientes sabendo apenas o nome dele.

Como já foi dito anteriormente, é possível usar redes sociais como Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn. Mas antes a sua empresa deve identificar qual rede social seus clientes em potencial utilizam.

Processo

Depois de saber onde seu cliente está presente, é necessário ter o apoio de algumas ferramentas disponíveis nas redes sociais para ter uma aproximação maior com esse público. Como o Iconosquare para o Instagram e o Google Alerts para notificar quando algum resultado chegar nas buscas.

Também é super importante ter métricas que mostram o que andam falando sobre a sua empresa. Afinal, vendas está mais ligado a empatia do que simplesmente vender um produto ou serviço.

Se você quer praticar Social Selling, siga essas dicas:

 

> Posicione sua marca nas redes onde você vai encontrar as pessoas que se interessam pelo que você vende, por exemplo: Se você vende produtos de beleza, prefira o Instagram e o Facebook.

> Amplie seu alcance e promova seus conteúdos de forma paga.

> Na geração e qualificação de leads, procure saber mais sobre o seu potencial cliente. Construa um perfil detalhado, por exemplo: onde ele mora e o que ele procura exatamente.

> Aborde seu possível comprador de uma forma bem pessoal: “Olá, lead! Tudo bom? Notei que você tem curtido bastante a nossa página. Precisa de ajuda?”

> Interaja sempre com o seu público. Afinal, quem não gosta de ter seu comentário respondido no Facebook ou receber um direct no Instagram de alguma marca?

> Mesmo depois de fechar o negócio, cultive o relacionamento com seus compradores. Mantenha contato com os seus clientes sempre que puder, ofereça descontos especiais ou brindes, por exemplo.

Fique atento para:

 

> O perfil dos seus seguidores e das pessoas que são marcadas em alguma foto (pode ser alguém interessado no seu serviço);
> O nível de engajamento que essas pessoas têm com a sua empresa;
> O que elas estão buscando dentro do segmento que você oferece;
Ou seja, encontre usuários que se encaixam no perfil de seus compradores.

 

Veja alguns dados

 

62,9% dos profissionais de vendas informam que o Social selling tornou-se altamente importante para fechar novos negócios.
Os compradores percorrem 57% do processo de compra antes que profissionais de vendas falem com eles.  
Quase 82% dos compradores visualizaram entre cinco a oito peças de conteúdo através de um profissional de vendas.

77% dos compradores não se envolverão com profissionais de vendas que não se esforçam para os conhecer;
(Fonte: Sales for Life)

 

Resumindo:  por meio do Social Selling você posiciona a sua marca nas redes sociais, encontra clientes, estreita relacionamentos e ainda realiza vendas. Que tal experimentar?

 


Escrito por:

Mariely Dalmônica

Social Media da Contramestre Agência Digital e graduada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela UFU.